FUTURO

Untitled-2

Conheça o trabalho social do Hospital da Baleia

Com pequenos gestos e grandes conquistas, a Fundação Benjamin Guimarães – Hospital da Baleia já se tornou uma tradição mineira. Em 71 anos de história, a iniciativa leva saúde de qualidade para a população em vulnerabilidade social do Estado. Nos últimos seis anos, o Oi Futuro apoiou projetos desta organização, através do Conselho Estadual dos Direitos da Criança e do Adolescente de Minas Gerais, via Fundo da Infância e da Adolescência. Além do trabalho de médicos e especialistas, o projeto abriu espaço para voluntários há 30 anos.

“Somos um hospital geral com 23 especialidades médicas e atendimento adulto e pediátrico. O Baleia é referência regional em ortopedia, nefrologia, neurocirurgia, oncologia, pediatria, dermatologia e fissuras labiopalatais e deformidades craniofaciais. Por ano, a instituição realiza cerca de 500 mil procedimentos”, conta Caroline Almeida, que atua no setor de comunicação do projeto.

Nesse complexo sistema, a Rede de Amigos da instituição estabelece a organização do voluntariado e treina os interessados em participar.  Caroline explica, “depois o treinamento, nós detectamos as potencialidades de cada voluntário e os direcionamos para diversas tarefas, que podem ser desde visitas periódicas aos pacientes, até ‘contação’ de histórias, entregas de brinquedos, apresentações musicais, entre outras”.

Para ela, a presença dos voluntários traz um “alento para quem está num momento delicado”.  “Eles ajudam a tornar o tratamento mais ameno e leve para os pacientes. E tudo isso de forma muito simples, com um sorriso, uma aperto de mão, um olhar carinhoso, uma brincadeira, etc.”, diz.

Com a colaboração do Oi Futuro, a fundação melhora a alimentação e instalações dos pacientes, a partir dos projetos Preservação da Vida e Conforto no Hospital, respectivamente. “Por meio de programas como o FIA, podemos melhorar e manter nossos serviços. Empresas que valorizam o capital social, como o Oi Futuro, ajudam a perpetuar nossa missão”, conclui Caroline.