FUTURO

errar-e-preciso

Humans of NAVE | Errar é preciso

14 de março de 2017

Rafaela e Bruno são formandos do curso Multimídia e o que eles consideram mais precioso no NAVE é o erro. Parece estranho? Não para eles: “A gente sempre erra muito aqui no NAVE e geralmente isso é importante. São os três anos da vida que a gente mais vai errar.”. Depois disso vem, é claro, a parte boa: “É uma aprendizagem muito dinâmica, rápida e orgânica. Errar, aprender e fazer de novo, aprender e fazer de novo, aprender e fazer de novo, quantas vezes for preciso.”

errar-e-preciso-1

Com esse processo contínuo, os jovens chegaram a um resultado histórico no colégio: com uma equipe de dez pessoas eles foram os primeiros a realizar um crowdfunding, a famosa vaquinha virtual, para tirar do papel a ideia de dois filmes. Os curta-metragens “Quero ficar” e “Tô saindo” falam sobre irmãos e eles usaram o site da Benfeitoria para arrecadar dinheiro. A ideia era conseguir o dinheiro para alugar os equipamentos. No início eles acharam que seria fácil, mas não foi bem assim. Depois de muuuito esforço conseguiram atingir a segunda meta, e agora arrecadaram o suficiente para que comprar o material, não só alugar. Assim vai nascer uma produtora, idealizada e dirigida por eles.