FUTURO

IMG_9560

“UMA VIDA BOA” TERÁ PROGRAMAÇÃO ESPECIAL PARA PESSOAS COM DEFICIÊNCIA NO DOMINGO (27)

28 de abril de 2014

Peça no Oi Futuro do Flamengo terá recursos de audiodescrição, legendas em closed caption e LIBRAS

A peça “Uma Vida Boa”, em cartaz no Oi Futuro no Flamengo, terá uma sessão especial com recursos de acessibilidade para pessoas com deficiência, neste domingo (27), às 20 horas. Os profissionais da Lavoro Produções, empresa pioneira na criação de projetos culturais com acessibilidade, vão usar os recursos da audiodescrição, legendas em closed caption e Língua Brasileira de Sinais (LIBRAS) para a narrativa da peça, identificando nuances, detalhes e entonações, a fim de proporcionar ao espectador com deficiência uma apreciação completa da montagem.  A sessão é a primeira de um projeto previsto para ser realizado ao longo de 12 meses, em que, uma vez por mês, haverá uma apresentação no teatro do Oi Futuro com o uso de recursos de acessibilidade.

“O Oi Futuro tem um posicionamento pioneiro no Brasil na promoção da acessibilidade à cultura de pessoas com deficiência, seja apoiando projetos que atendem a esse público, seja investindo na acessibilidade arquitetônica e informativa de seus centros culturais”, afirma o Diretor de Cultura do Oi Futuro, Roberto Guimarães. Com texto de Rafael Primot, direção de Diogo Liberano e Amanda Vides Veras, Daniel Chagas e Julianne Trevisol no elenco, “Uma vida boa” é inspirada em uma história real, que aconteceu em Falls City, Nebraska, 1993, e que deu origem ao premiado filme “Meninos não choram”. Na peça, um menino aprisionado no corpo de garota que sonha encontrar um
amor.

 

Sessão especial para deficientes: 27 de abril (domingo), 20h | Nível 7

Entrada: R$ 20,00 | Classificação etária: 18 anos

*A meia entrada é vendida somente com a apresentação da carteirinha e/ou documentos de identificação no ato da compra