FUTURO

Jovem Empreendedor Rural

O projeto Jovem Empreendedor Rural, da Agência de Desenvolvimento Econômico Local (Adel), foi um dos selecionados pelo Oi Futuro na 10ª Edição do Oi Novos Brasis. A iniciativa será desenvolvida nos municípios de Pentecoste, Apuiarés, Tejuçuoca, General Sampaio, São Gonçalo do Amarante, Caucaia e São Luís do Curu, no Ceará. O objetivo é criar oportunidades para o desenvolvimento de empreendimentos rurais por jovens empreendedores de comunidades rurais. Serão beneficiados 90 jovens de famílias de baixa renda, de 16 a 32 anos, até dezembro de 2016.

O projeto está focado em quatro pilares para que os empreendedores encontrem condições adequadas para sua atuação: acesso ao conhecimento, crédito orientado, apoio no fortalecimento organizativo e acesso a tecnologias de informação e comunicação. Dessa forma, a iniciativa busca capacitar os jovens tornando-os aptos a identificar oportunidades locais, aproveitar as potencialidades existentes, criar, administrar e desenvolver seus planos de negócios em suas comunidades.

Apoiada pelo Oi Futuro também na 8ª edição do Oi Novos Brasis, a Adel forma e assessora jovens rurais para que sejam agentes de transformações sociais e econômicas positivas, desenvolvendo seus próprios negócios rurais, agregando valor às cadeias produtivas da agricultura familiar. Através da difusão de conhecimentos e tecnologias, o Jovem Empreendedor Rural estimula a participação dos jovens nas associações comunitárias de pequenos produtores, contribuindo para inclusão destes jovens, sua permanência no campo e seu reconhecimento como promotores do desenvolvimento local.

O Programa Jovem Empreendedor Rural é desenvolvido desde 2009 pela Adel e formou 550 jovens empreendedores em técnicas de empreendedorismo e gestão de negócios rurais, além de apoiar o desenvolvimento de mais de 100 empreendimentos produtivos no semiárido cearense.


Sobre a Adel:

A Adel é uma organização sem fins lucrativos que tem como missão promover o desenvolvimento de negócios rurais sustentáveis através da formação e do apoio a agricultores familiares e jovens empreendedores rurais. Resultado da mobilização de um grupo de jovens de comunidades rurais do semiárido cearense, que teve a oportunidade de ir para a universidade. Enquanto os jovens cursavam a universidade, em áreas como economia, zootecnia, engenharia e agronomia, entenderam a importância do conhecimento e das ferramentas que estavam adquirindo para o desenvolvimento de suas comunidades e para transformação das condições sociais das famílias do sertão. Em 2007, uniram-se e fundaram a Adel, enfatizando o fortalecimento da agricultura familiar e o apoio aos pequenos produtores nas comunidades rurais.

  

Created with flickr slideshow.