FUTURO

Meninas e Meninos da Alegria

O Oi Futuro selecionou pelo Edital 2014 do Programa Oi Novos Brasis o projeto Meninas e Meninos da Alegria, a ser desenvolvido pelo Grupo de Informática, Comunicação e Ação Local (Giral), em Pernambuco. A iniciativa tem o objetivo de promover a construção de novos conhecimentos para 900 estudantes do Ensino Fundamental de escolas rurais de Glória do Goitá e Chã de Alegria, municípios da Zona da Mata pernambucana. Serão realizadas oficinas de comunicação nas quais os estudantes utilizarão as tecnologias da informação e comunicação para produzir textos, fotografias, vídeos, blogs, jornais e programas de rádios que retratem suas comunidades e seus desejos.

Os produtos de comunicação resultantes das oficinas serão focados em temas que valorizem a cultura local e o meio ambiente a partir de práticas da educação ambiental. Todos os participantes do projeto receberão uniforme e materiais necessários para as atividades e no final das oficinas todos os estudantes, organizados por suas escolas, apresentarão para a comunidade os resultados de suas produções. Além disso, os participantes do projeto plantarão, em cada escola, duas árvores (pau-Brasil), como marco do projeto e formarão o núcleo de comunicação da escola.

O Projeto, desenvolvido a partir de janeiro de 2015, acontecerá numa região de grandes valores da cultura popular pernambucana, marcada pela sobrevivência a partir da agricultura na cana-de-açúcar e mandioca. Pernambuco ocupa a 19º posição no ranking do IDH (Índice de Desenvolvimento Humano) dos estados brasileiros, segundo dados divulgados pelo PNUD, Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento em 2013. Esse resultado, em parte, é influenciado pelas políticas públicas educacionais, além da escassez de água que gera a migração de famílias para os grandes centros urbanos em busca de melhores condições de vida. Meninas e meninos da Alegria incentivará o aprendizado, a partir da proposição de momentos lúdicos, que integrem educação e comunicação para a produção de conhecimentos e fortalecimento da cultura local. O Projeto foi pensado a partir de uma experiência piloto, desenvolvida em uma escola pública na área rural de Glória do Goitá. O sucesso e a aceitação da iniciativa fizeram com que o Giral recebesse pedidos dos alunos para que outras iniciativas semelhantes fossem desenvolvidas.


Created with flickr slideshow.